fbpx

Data: 05/03/2014

Investigador brasileiro está na Finlândia a desenvolver modelo estatístico para medir a abundância das aves na floresta amazónica a partir da gravação de sons. Tecnologia pode vir a ser aplicada a outros animais com vocalizações, como anfíbios ou primatas.

Notícia proveniente de fonte externa

À procura de um ouvido matemático que distinga as aves da Amazónia

Partilhe esta Notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Créditos da Notícia

Outros Conteúdos