fbpx

Data: 03/02/2022

Uma ave oriunda da América do Norte, com o nome comum caturro, foi observada no Vale do rio Tua na segunda-feira.

Em Portugal, a observação desta espécie, um pato mergulhador, é uma raridade, sendo este o primeiro registo no distrito de Bragança e um dos poucos no interior de Portugal a norte do rio Tejo.

A observação aconteceu no concelho de Carrazeda de Ansiães, nas proximidades da aldeia de Brunheda, e foi feita por dois amigos, Rui Pereira e Nélson Domingos, este último formando da “Formação de Guias de Observação de Aves no Vale do Tua”, promovida pelo Parque Natural Regional do Vale do Tua (PNRVT) e que está a ser ministrada pela Palombar – Conservação da Natureza e do Património Rural. Este curso tem estimulado todos os participantes a possuírem uma visão mais atenta e foi essa atenção e o conhecimento já adquirido que permitiu a um formando perceber a raridade da espécie que observava.

Notícia proveniente de fonte externa

Ave rara observada no Vale do Tua

Partilhe esta Notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Créditos da Notícia

Outros Conteúdos