fbpx

Data: 21/07/2020

Imagens “chocantes” de aves presas nas redes colocadas para proteger os tanques de produção de espécies aquícolas foram recolhidas pela Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves (SPEA) numa recente deslocação às áreas ocupadas pela aquacultura no estuário de rio Mondego. Estas redes são autorizadas pelo Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF), a quem a associação acusa de inacção uma vez que os empresários do sector já se mostraram disponíveis para alterar a situação sem que o processo tenha avançado.

Notícia proveniente de fonte externa

Aves morrem após horas de sofrimento nas redes usadas na protecção das aquaculturas

Partilhe esta Notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Créditos da Notícia

Outros Conteúdos