fbpx

Data: 29/07/2021

Cinco melros, uma gralha e uma milheiriça em cativeiro de forma ilegal, motivaram a intervenção da GNR em Leiria e Porto de Mós. Quatro pessoas foram identificadas no âmbito desta operação.

Esta quarta-feira, dia 28, Dia Mundial da Conservação da Natureza, o Comando Territorial de Leiria, através do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Leiria, “identificou quatro homens, com idades compreendidas entre os 50 e os 70 anos, por detenção de espécies autóctones em cativeiro de forma ilegal, nos concelhos de Leiria e Porto de Mós”, adiantou esta tarde a GNR em comunicado.

Notícia proveniente de fonte externa

No Dia Mundial da Natureza a GNR resgatou sete aves em Porto e Mós e Leiria

Partilhe esta Notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Créditos da Notícia

Outros Conteúdos