Site logo

Data: 30/03/2021

Para um dos pesquisadores, a presença dos animais na região, a mais de 10 mil pés e bastante longe de seu habitat, é “incrível”.

Um estudo divulgado recentemente na plataforma da Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos (PNAS) analisou 32 múmias de papagaios e araras-vermelhas que foram encontradas no Deserto do Atacama, no Chile

Esses pássaros, vale pontuar, não são nativos da região, o que, para os cientistas, sugere que eles foram comercializados há 500 anos, sendo capturados na Amazônia oriental. 

Notícia proveniente de fonte externa

Pássaros exóticos da amazônia eram vendidos e mumificados no chile há 500 anos, conclui estudo

Partilhe esta Notícia

Créditos da Notícia

Outros Conteúdos