fbpx

Data: 22/08/2014

A “proliferação das espécies vegetais exóticas invasoras, como o chorão e as acácias, assume particular gravidade neste espaço natural”, indicam.
A própria Lagoa da Sancha, outrora “um importante local para a nidificação de várias espécies de aves”, está actualmente “em degradação acelerada”, pelo que é “urgente impedir” a sua “degradação ecológica”.

Notícia proveniente de fonte externa

Quercus alerta para “degradação ecológica” na Lagoa de Santo André

Partilhe esta Notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Créditos da Notícia

Outros Conteúdos