Data: 13/05/2015

Os ambientalistas referem que, na sexta-feira, foram encontrados junto ao rio Angueira, em Miranda do Douro, quatro abutres-pretos (Aegypius monachus) e um abutre-do-Egipto (Neopron pernocopterus) “mortos com suspeita de envenenamento”, tendo sido recolhidas pelo Serviço de Proteção da Natureza (SEPNA) da GNR e enviadas para serem sujeitos a análise.

Notícia proveniente de fonte externa

Quercus pede reforço de meios para evitar envenenamentos após morte de cinco abutres

Partilhe esta Notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Créditos da Notícia

Outros Conteúdos