fbpx

Data: 12/03/2019

O estudo dirigido por Ana Teresa Marques, da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, foi publicado hoje no boletim científico Journal of Animal Ecologya, concentrou-se em 130 milhafres pretos que passam pela região de Tarifa, no sul de Espanha, onde se verificou que as turbinas eólicas representam muito espaço de voo perdido para as aves.

Notícia proveniente de fonte externa

Turbinas eólicas retiram espaço de voo a aves migratórias, segundo estudo

Partilhe esta Notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Créditos da Notícia

Outros Conteúdos