fbpx

Data: 30/06/2022

De várias idades, diferentes profissões e oriundos de diversas zonas, 50 voluntários juntaram-se em São Miguel, Açores, empenhados em contar todos os priolos do mundo, movidos pelo fascínio daquela ave que só existe na parte oriental da ilha.

O Parque Florestal do Nordeste, onde se localiza o Centro Ambiental do Priolo, funcionou como centro de operações do IV Atlas do Priolo, a iniciativa que decorre a cada quatro anos, organizada pela Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves (SPEA).

“Quando soube do evento, inscrevi-me logo. É uma ideia excelente. Não só para a minha a formação. É sempre gratificante reunir com voluntários de tantos sítios, conhecer gente nova e estar no meio da natureza”, confessou à Lusa Irene Llamas, uma das voluntárias.

Notícia proveniente de fonte externa

O fascínio de contar todos os priolos do mundo juntou voluntários nos Açores

Partilhe esta Notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Créditos da Notícia

Outros Conteúdos