fbpx

Data: 14/12/2021

Três homens de 75, 50 e 29 anos foram identificados por detenção ilegal de aves cinegéticas.

O Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Ovar identificou três homens de 75, 50 e 29 anos, no dia 11 de dezembro por detenção ilegal de aves cinegéticas, em Anta, no concelho de Espinho.

Os homens foram identificados no decorrer de uma ação de fiscalização, decorrente de uma denúncia da linha SOS Ambiente e Território.

Neste contexto, os elementos do NPA observaram que os três indivíduos que mantinham em cativeiro, nas suas residências, espécies autóctones, bem como os seus cruzamentos e espécies de fauna cinegética, sem licença para tal.

Além disso, detinham também aves de espécies protegidas pela convenção sobre o Comércio Internacional das Espécies Selvagens da Fauna e da Flora Ameaçadas de Extinção (CITES) .

Durante a intervenção da GNR foram resgatadas e apreendidas as seguintes espécies: 23 Lugres, 20 pintassilgos, 11 Travessos, oito Pintarroxos, dois Serezinos, quatro Bicos-de-lacre, dois Periquitos-dorso-vermelho, um Papagaio de cabeça amarela, um Kakariki-fronte-vermelha, um Gaio, um Melro e um Verdilhão.

Notícia proveniente de fonte externa

Resgate de aves cinegéticas em Espinho

Partilhe esta Notícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Créditos da Notícia

Outros Conteúdos