fbpx
Site logo

Data: 15/02/2021

Riscando os céus dinamarqueses, milhares de estorninhos movem-se no ar como um organismo único, descrevendo um bailado aéreo de “incrível impacto visual”. “É a coisa mais formidável que já vi”, disse ao P3 o autor do fotolivro Black Sun, Soren Solkaer, que dedicou quatro anos ao registo deste fenómeno.

Notícia proveniente de fonte externa

“Sol Negro”: o bailado de milhares de estorninhos pelos céus da Dinamarca

Partilhe esta Notícia

Créditos da Notícia

Outros Conteúdos